Inauguração da ampliação do Centro de Recolha Oficial de Animais de Ílhavo

A Câmara Municipal de Ílhavo inaugurou na segunda-feira, dia 20, a obra de ampliação do Centro de Recolha Oficial de Animais de Companhia de Ílhavo (CROACI), que está agora apto para receber gatos.

O CROACI passa a ter sensivelmente o dobro do espaço e melhores condições de receção e acolhimento de pessoas e animais.

Com um investimento total de 82.191,66 euros, esta obra conta com o financiamento de 15 mil euros, no âmbito do Programa de Concessão de Incentivos Financeiros para a Construção e Modernização de Centros de Recolha Oficial de Animais de Companhia, no âmbito da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional Centro (CCDRC).

O CROACI é um espaço da responsabilidade da Câmara Municipal de Ílhavo, que se localiza junto aos Armazéns Gerais, na Gafanha de Aquém, em Ílhavo, e tem as seguintes competências:
» Captura/recolha, transporte e alojamento de animais abandonados, errantes ou vadios;
» Alojamento obrigatório dos animais para sequestro ou quarentena sanitária, ou o alojamento resultante de recolhas compulsivas, determinadas pelas Autoridades Competentes;
» Alojamento de animais provenientes de entregas voluntárias, nos casos definidos na lei;
» Occisão de animais, nos casos expressamente previstos na Lei e no respetivo Regulamento;
» Execução das ações de profilaxia médica e sanitária, consideradas obrigatórias pelas Autoridades Sanitárias Veterinárias Competentes;
» Identificação animal;
» Recolha, receção e eliminação de cadáveres de animais;
» Adoção de animais.

No CROACI existem animais de raça pura ou “puros” rafeiros, que foram, na sua maioria, abandonados e posteriormente capturados, não tendo sido reclamados pelo seu dono dentro do prazo previsto por Lei (15 dias).

Em 2022, foram recolhidos na via pública 85 animais e entregues no CROACI 11. Foram restituídos ao seu dono 27 e adotados 64.

Já este ano de 2023, foram adotados três cachorros abandonados à porta do CROACI.

Atualmente, o CROACI conta com 21 cães, quase todos disponíveis para adoção.

Partilhar