Trabalhar em casa, com cão, pode ser um desafio!

Nos últimos dias, muito se tem escrito sobre o COVID-19 e os cães. Antes de mais, convém relembrar que não há qualquer evidência que os cães possam ser afetados ou transmitir o SARS-Cov-2 (o vírus que causa o COVID-19), e o coronavírus que os afeta (e para o qual há uma vacina) pertence a um grupo diferente deste. Mas é sempre bom manter alguns cuidados quando os levamos à rua.

Possivelmente nunca como dantes tantos cães tiveram os donos em casa tanto tempo, quer por estarem em isolamento, quer por estarem em regime de teletrabalho. Com vantagens e desvantagens…

Para quem está a trabalhar em casa pode ser um desafio convencer os seus cães a saber esperar tranquilos em vez de estarem constantemente a tentar interagir com os donos. Aqui, a recomendação é sem dúvida a estimulação mental!

Quanto mais o cão aprender a pensar e a saber ficar entretido, mais fácil é ele relaxar fora desses momentos. Todos nós sabemos bem o quão cansados ficamos quando temos um trabalho que nos ponha a pensar no duro durante um bocado.

Troque a tigela da comida por brinquedos dispensadores de comida. Muito rapidamente irá ver uma diferença nos seus cães. Por exemplo, os Kongs são um seu grande amigo nestas ocasiões, bem como Snuffle Mats e toda uma miríade de brinquedos disponíveis no mercado.

Mas nem precisa necessariamente de ir a correr buscar um monte de brinquedos, mesmo em casa consegue arranjar algo divertido, como uma caixa de cartão cheia de papel amarrotado e um pouco de ração misturada, ou uma garrafa de plástico com uns grãos de ração lá dentro. Veja AQUI algumas ideias.

Recomendo vivamente o grupo Canine Enrichment, lá irá encontrar 1001 ideias, das mais simples às mais sofisticadas dignas de verdadeiros Einsteins.

Por: Carla Cruz, Aradik – Consultoria Técnica Canina

EnglishFrenchPortugueseSpanish