A história do Dogue Alemão

O Dogue Alemão é uma raça com origem alemã, embora existam indícios de cães estilo Dogue desenhados em monumentos egípcios que datam de 3000 a.C.

Apesar de não existir evidência da participação da Dinamarca na criação desta raça, alguns países continuam a utilizar a nomenclatura “Grande Dinamarquês” (Grand Danois e Great Dane).

Inicialmente, os Dogues eram cães usados na caça aos javalis, tendo a função de cães de agarre, função esta que foi desaparecendo ao longo dos anos, sendo atualmente conhecido pelo ótimo cão de companhia que é.

Como eram cães de caça, usavam as orelhas cortadas, para reduzir os traumas e as mordidas que podiam acontecer nestes momentos. Esta moda foi mantida nos Dogues, sendo que a partir de 2011 foi proibido o corte de orelhas em Portugal. Contudo, nos Estados Unidos da América a maioria dos Dogues ainda apresentam orelhas cortadas.

Tem como ascendência cães do tipo English Mastiff e o Irish Wolfhound (Galgo Irlandês), sendo por isso animais bastante elegantes e ágeis. O Dogue Alemão atual deve manter um porte grande, mas elegante, sendo considerado uma harmonia entre um Galgo e um Mastim.

Na primeira Exposição Canina realizada, em 1863, em Hamburgo, foram apresentadas duas raças: o Danish Dogge (cães de pelagem arlequim) e os Ulmer Dogge (cães de pelagem preta, dourada, tigrada e azul).

Devido à dificuldade em distinguir as duas raças, em 1880 foram unificadas sob o nome Dogue Alemão (Deutche Dogge), sendo esta a nomenclatura ainda hoje reconhecida pela Federação Cinológica Internacional (FCI).

Em 1888, foi finalmente criado o primeiro clube oficial de criadores da raça, o Deutschen Doggen Club.

Durante o século XIX, a raça tornou-se cada vez mais popular. Um dos donos mais famosos de Dogues foi Otto von Bismark, primeiro chanceler alemão, que partilhou a sua vida com estes cães, contribuindo para que estes cães fossem conhecidos como cães do império.

O Dogue Alemão é atualmente conhecido como estrela de vários filmes e séries televisivas, tais como, o Marmaduke e o Scooby-Doo.

Por: Joana Rosa Monteiro do afixo “Quinta da Arrábida”

Clique AQUI para ir para a página da raça Dogue Alemão

EnglishFrenchPortugueseSpanish