Matosinhos | Município vai capturar cães assilvestrados

No passado dia 23 de abril, o vereador do ambiente anunciou que a Câmara vai recolher os cães assilvestrados. Segundo Correia Pinto, há cerca de 80 em todo o concelho, muitos deles em matilha.

Embora não tenha avançado com uma data, Correia Pinto prevê que a medida arranque ao longo deste ano. No final da reunião do executivo, explicou aos jornalistas que, depois de capturados e tratados, os cães ficarão a viver em instalações que vão ser construídas em Santa Cruz do Bispo, uma vez que não podem ser adotados.

O anúncio foi feito na sequência da aprovação de um protocolo que a Autarquia vai celebrar com as associações de defesa dos animais de Matosinhos – Midas, Animais de Rua, Miacis e Causa de Caudas – com vista ao tratamento e controlo dos gatos que vivem em colónias, no âmbito da aplicação da portaria n.º 146/2017. O acordo será assinado no final deste mês e vai permitir, para já, tratar 300 dos cerca de 800 gatos em liberdade.

Correia Pinto também anunciou que a Câmara vai ceder um terreno em Custóias para a Sociedade Protetora dos Animais construir um espaço de recolha de cães e gatos.

Partilhar
EnglishFrenchPortugueseSpanish